Cura Reconectiva®

Cura Reconectiva®

Cura Reconectiva® é uma forma de cura ‘livre de toque’, sem contato físico, e tende a oferecer uma experiência de equilíbrio promovendo mudanças positivas na vida. Durante um atendimento, você é ‘apresentado’ a um espectro amplo de luz e informação que permite a ocorrência de profundas curas físicas, mentais e emocionais. Sua interação com estas frequências altamente palpável é naturalmente benéfica, sempre segura e apoiadora da cura em todos os níveis. Cura Reconectiva® convida você a participar em uma mais ampla frequência evolutiva, resultando em uma forte conexão mais saudável consigo mesmo e com os outros, com a terra, com o universo, e com sua própria experiência como um multi-dimensional ser humano. A realidade de sua existência demonstrou-se claramente, na prática, bem como em laboratórios científicos.

As mudanças iniciadas em uma sessão da Cura Reconectiva® ocorre em um nível inconsciente e não requer crença, fé, intenção ou outros tipos de pensamento consciente. Embora os efeitos das mudanças possam vir a ser percebidos com a mente consciente, as mudanças reais ocorrem no nível molecular e não estão no controle do praticante ou do cliente. Como tal oferece uma ruptura radical com os métodos tradicionais de diagnóstico (médico e energético), que permite, assim, um salto para uma abordagem abrangente e profunda para além da maneira de como ocorre uma cicatrização, uma vez que as curas e mudanças positivas não se restringem aos limites (ou crenças) do médico/profissional ou paciente/cliente.

Cura Reconectiva® é adequada para o equilíbrio natural de todos os desafios em qualquer nível, uma vez que não se destina problemas específicos, traz o equilíbrio naturalmente para abordar os desafios físicos, pensamentos autodestrutivos e comportamentos de auto-sabotagem, vícios, desequilíbrios, lesões e quaisquer outros desafios do dia a dia. As curas alcançadas por pessoas ao redor do mundo são tão profundas e extraordinárias que a Cura Reconectiva® suscita grande interesse de cientistas e pesquisadores da área médica em hospitais, colégios e universidades em todo o mundo.

Estes incluem o Hospital Jackson Memorial, da UCLA, o Cedars-Sinai Medical Center, o VA Hospital, University of Minnesota, University of Miami Medical School, Suburban Hospital, Qualidade de Vida Centro de Pesquisa (Copenhaga, Memorial Hospital (Istambul), Kent College de Osteopatia ( UK), RMIT University (Melbourne), Parker College (Dallas, Texas, e Melbourne, Austrália), St. Petersburg State Technical University (São Petersburgo), da Universidade de Oslo, e da Universidade do Arizona. Novos programas de investigação e pesquisas estão presentemente sob curso em várias instalações internacionalis sob a orientação de tais cientistas de renome como Gary Schwartz, Ph.D., William Tiller, Ph.D., Konstantin Korotkov, Ph.D., Fritz-Albert Popp, Ph.D., e outros .

Alguns destes cientistas sugerem que essas frequências estão aqui no planeta pela primeira vez e que têm o potencial para ajudar ao equilíbrio o que tende a equilibrar o organismo e eliminar a doença em todos os níveis, e que de alguma forma ativa nossas células e nosso DNA. Além disso, os benefícios destas poderosas frequências não estão limitados apenas a ajudar as pessoas com doenças. Estudos mostram que os efeitos da Cura Reconectiva® vão muito além da definição tradicional de “cura” em direção de novos domínios de melhoria, equilíbrio e modernização da pessoa em seu ser físico, desempenho atlético e a função mental.

Alguns cientistas estão descobrindo que a Cura Reconectiva® parece ajudar a todos, incluindo atletas profissionais, estes entram em um pico ou “zona” de alto desempenho, um estado em que eles são capazes de melhor aproveitamento no esporte e em outras atividades. Além disso, essa energia expandida e as funções mentais lhes ajudam a acessar e maximizar os seus próprios dotes físicos para que possam competir em níveis mais altos, dando-lhes uma vantagem em esportes e outras competições. E agora os atletas, incluindo atletas olímpicos e atletas profissionais, estão começando a reconhecer estes benefícios também.

Qual o impacto que estes e outros estudos sobre Cura Reconectiva® terá sobre a comunidade científica e médica? A ciência e a medicina tradicional não podem continuar a abordagem da saúde e cura da mesma maneira e continuar em compasso com o resto do mundo. Sabemos agora que o impacto da Cura Reconectiva® não é apenas sobre a cura de uma doença em si, mas seu principal benefício é  sobre como melhorar e aprimorar o seu desempenho e sua vida em todos os níveis, a cura da doença é uma consequência da melhoria, equilíbrio e aprimoramento destes níveis.

Cura Reconectiva® pode não estar apenas mostrando-nos um novo nível de cura e melhoria de desempenho, mas também pode estar abrindo uma porta para o próximo nível da evolução humana, onde a cura instantânea e regeneração são simples, como fatos da vida cotidiana. Simples, milagres todos os dias. Espetáculos diários em simples esportes. Dito de outro modo, Cura Reconectiva® aumenta as possibilidades por todas as áreas e facetas da sua vida.

Cura Reconectiva® também pode ser feita à Distância.

 

Quem recebe uma cura? por Dr. Eric Pearl –  09 de junho de 2011

Por falar nisso, o que acontece quando um paciente deixa de receber a cura que ele ou ela esperava?

Houve um tempo em que me culpava pelo que inicialmente eu percebia como falhas. Por fim tive que aceitar que eu não sou o responsável pela falta de uma cura clara e específica, assim como não sou o responsável pela cura que tenha um êxito espetacular. Então, o que significa que uma sessão de cura não tenha os resultados previstos?.

O problema não está na cura, mas na expectativa. Costumava dizer que nem todos tem uma cura. Já não creio nisso. Agora creio que todos recebem uma cura, ainda que não seja necessariamente a que esperavam ter.

Ao reconhecer que a “cura” significa reconectar com a perfeição do universo, nos damos conta de que o Universo sabe o que temos que receber e o que vamos ganhar como consequência disso. A questão é que: o que necessitamos nem sempre pode corresponder com o que esperamos, ou pensamos, queremos, ou achamos que precisamos.

Assim como os curadores devem aceitar seu papel como condutores (que transportam estas frequências), os pacientes devem aceitar seu papel como receptores. O trabalho do paciente consiste simplesmente em estar disponível para estas energias de cura e aceitar o que aconteça. E algo vai acontecer, imediatamente ou em um tempo que não pode ser determinado. Pode ser uma surpresa.”

Porquê algumas pessoas se curam e outras não?
Que fatores determinam estes diferentes resultados?
Essa é uma das grandes perguntas da VIDA.
Algumas pessoas utilizam a doença para obter algo, e outras simplesmente deixam-na partir. Na melhor das hipóteses, utilizamos a doença para aprender algum tipo de lição de vida ou para ensinar essa lição aos outros.
Através deste trabalho, muitas pessoas têm relatado melhorias, incluindo de paralisia cerebral, no entanto, nem todos os que têm paralisia cerebral recebem a mesma cura.
Tal como na medicina, nada é 100% garantido.
Um tratamento pode funcionar para uma pessoa e não funcionar para outra.
Três pessoas podem chegar com os mesmos sintomas e com o mesmo diagnóstico a uma sessão de Cura Reconectiva e provavelmente recebem três resultados diferentes.
Parece depender do que cada pessoa necessita num determinado momento e nesta vida, não podemos entender, porque, não entendemos a inteligência divina.
Então, o nosso papel enquanto praticantes/profissionais da Cura Reconectiva é o de abrir portas.
O papel da pessoa que a recebe é simplesmente ter a coragem de entrar por essa porta.
Abrimos a porta da mesma forma a todas as pessoas.
Não estamos aqui para entender, o amor ou o universo, estamos aqui simplesmente para deixar que essa inteligência atue e faça o que tem que fazer.
ERIC PEARL

 

Um profissional de boa qualidade, compromissado com a ética e integridade deste trabalho nunca realiza nenhuma técnica ou terapia, trabalha exclusivamente com estas frequências, e o que ocorre é sempre benéfico e apoiador para os processos pessoais de cada um, mas não está no controle do profissional, a sua experiência é particular e individual e está muito além da “cura” propriamente dita, é um acordo entre você e o Universo, onde o profissional é um catalisador, o “link”, um “telefone”, um “cabo”, como queira, é apenas o elo de ligação treinado para sustentar estas frequências durante seu atendimento e manter-se presente sem interferir, para permitir retirar as “interferências” que estão impedindo a sua auto cura, e como tal vai “abrir uma porta” que cabe a cada um decidir se e quando vai atravessar. E esta “porta” nunca mais se fecha. Por isso eu não preciso saber nada sobre você ou o que lhe motiva a me procurar, na verdade quanto menos eu souber sobre o que lhe motiva me procurar, melhor para você! É sempre uma honra e eu me sinto muito grata por compartilhar e ser parte da sua experiência!

Cura Reconectiva não é terapia ou técnica, e, não é tratamento de saúde, por isso, ao solicitar uma sessão  nunca interrompa, caso esteja em tratamento com os médicos que lhe acompanham.

A Cura Reconectiva tem uma abordagem distinta, não requer anamnese, diagnose ou acompanhamento, e simplesmente eu não sei o que vai ocorrer durante uma sessão, ou após a sessão, nem o que vai acontecer com você, e, nem o que você precisa, pois eu não há nenhuma interferência minha no seu processo, mas me sinto honrada em ser convidada para facilitar a sua sessão sustentando estas frequências entre você e o Universo. Você deve ter claro que como profissional eu não ofereço nenhuma garantia ou promessas, pois o que ocorre é exatamente o que é preciso e apropriado para cada pessoa no seu momento atual, e não está no controle do profissional. A experiência é um apoiador para o equilíbrio e desenvolvimento de evolução individual, mas nem sempre o que uma pessoa precisa coincide com o que ela quer, pois nossa visão sobre os problemas que julgamos ser, ter ou precisar é parcial, está muito além do físico, mental, emocional, espiritual… e não contempla o TODO da muldimensionalidade do SER que somos.

Com esta consciência, se desejar ter um atendimento entre em contato, é uma honra receber você em nosso espaço ou realizar seu atendimento a distância.

A Cura Reconectiva não é terapia, mas poderá ser eventualmente repetida durante sua vida. Pode ser realizada a distância. Sugere-se fortemente que você considere realizar 1 a 3 sessões de Cura Reconectiva antes de ter sua Reconexão, essa recomendação é para que você tenha uma experiência prévia com estas frequências. Mas sim! É claro que você pode realizar sua Reconexão antes da Cura Reconectiva, essa também é sua decisão, apenas observe em dar um tempo entre a Cura Reconectiva e a Reconexão. Observe que não é necessário ter um “problema” para ter sua sessão de Cura Reconectiva, essa é uma experiência de cura global e abrangente, não é direcionada para desafios de saúde ou problemas específicos.

 

O que é a Cura Reconectiva®?
Cura Reconectiva® é uma forma de cura que está no nosso planeta pela primeira vez. Reconecta-nos com a plenitude do Universo e, por conseqüência direta, com a plenitude do Ser quem somos. Acredita-se que isto acontece graças a uma nova gama de freqüências curativas sustentadas nas sessōes de Cura Reconectiva®,  muito provavelmente, devido a um campo de ondas totalmente novo cuja realidade se pôde constatar claramente tanto durante as sessões como em laboratórios de universidades.
A Reconexão® é o processo de reconectar com o Universo, o que permite que aconteça a Cura Reconectiva® (Reconnective Healing®). Estas curas e freqüências evolutivas pertencem a uma nova banda eletromagnética e chegam-nos através de um espectro de luz e informação. Graças à Reconexão® somos capazes de interagir com estes novos níveis de luz e informação e, assim nos reconectar. Isto é algo novo, diferente e real – e pode ser desenvolvido por cada um de nós.

 

Como se compara isto com outras freqüências? De que maneira se diferencia de outras formas de trabalho com energia utilizadas até agora?
Quase de certeza que muitos de nós já nos apercebemos que o tempo parece acelerar e expandir-se. Estamos num período de transição ao qual se deram já muitos nomes: The Shift (A Mudança), The Shift Of Ages (A Mudança das Eras). São dois termos utilizados por Gregg Braden. Esta transição foi já anunciada pelos Maias, os Incas, os Hopi, Edgar Cayce e a Cabala. No seu livro “Walking Between The Worlds” (Caminhando entre os mundos), Braden define a mudança como “... uma época na História da Terra em que há uma nova vivência da consciência humana. A mudança, caracterizada pela convergência entre a diminuição do magnetismo planetário e o aumento da freqüência planetária a um dado momento, constitui uma oportunidade excepcional para remodelar coletivamente a expressão da consciência humana. A mudança é o termo que se aplica ao processo segundo o qual a Terra acelera através do decurso de mudanças evolutivas, com a espécie humana voluntariamente conectada aos campos eletromagnéticos terrestres, pretendendo adaptar-se através de um processo de mudança celular.”.
No âmbito da cura, muitas das técnicas até aqui utilizadas passaram pela prova do tempo, funcionando como sempre funcionaram, mas agora temos mais, e também somos mais. Assim, as velhas técnicas já não são suficientes. Tão boas como sempre têm sido (estas técnicas), dentro dos nossos novos e ampliados parâmetros já não são apropriadas. Da mesma maneira que duas lanternas não seriam apropriadas para utilizar como faróis num carro, apesar de terem sido úteis para andar numa carruagem puxada por cavalos. O problema das técnicas que temos até agora é estarem sujeitas a rituais de proteção relacionados com ambos participantes (tirar as jóias, cabedal, relógio, acreditar na terapia e/ou terapeuta...) e que já não estão presentes nas novas freqüências. Lembre-se ainda que também muitos de nós que temos estado a praticar técnicas de cura nos interessamos por elas de início. Não era para sermos seguidores fanáticos da técnica em si, mas para nos convertermos em curadores. A técnica era simplesmente um dos nossos primeiros passos neste processo.
Por alguns momentos imagine-se diante de uma enorme escadaria. Uma das suas metas – a de se tornar um curador – aguarda por ti no cimo. O seu primeiro passo é aprender uma técnica. Apresenta-se à técnica, domina-la, talvez até se torne professor. Agora possui este primeiro degrau. Não há nada de errado em adorar estar com ambos os pés neste primeiro degrau. Mas tenha cuidado para não se apaixonar por ele. Porque se o fizer, irá sentar-se, pegar numa manta e numa almofada, instalar-se-á confortavelmente e fará deste degrau o centro do resto da sua vida. Mas, o que aconteceu com o objetivo inicial de subir toda a escadaria? Esqueceu-se dele. Agora é o momento de consagrar os seus primeiros passos... E continuar a subir.

 

Sendo assim, a Reconexão® é melhor que outras técnicas?
Claro que não. Não se trata de “melhor” ou “pior”, trata-se de qual é a mais adequada. Da mesma maneira que é fácil entender que duas velas não seriam o mais apropriado para conduzir um Maserati à noite para ir desfrutar de um jantar romântico, os faróis de halogéneo também seriam despropositados como iluminação encima da mesa ao jantar. A Cura Reconectiva® está agora aqui para nos dar algo mais global e expansivo.

 

Ouvi já dizer que ao aprender esta técnica posso perder a prática das técnicas que já utilizava antes?
Em primeiro lugar, a Cura Reconectiva® não é uma técnica. Isto é a primeira coisa que o diferencia de outras formas de cura que tenha aprendido. É possível que não lhe seja fácil identificar-se com o que fazia antes e muito possivelmente tampouco lhe importa®rá muito se isso acontecer. Uma das razões para isto é que as técnicas de cura que conhecemos até agora têm sido partes da Cura Reconectiva®. Vislumbres de aspectos da Reconexão. Se reuníssemos todas estas técnicas teríamos uma visão um pouco maior do que é a Cura Reconectiva®, apesar de mesmo assim não possuir a totalidade.
Ainda que esta analogia não lhe faça justiça, poderia pensar nas diferentes técnicas que conhece como as letras do alfabeto e escolher letras à sorte. Por exemplo, a técnica C, J, P, Q, R. Se só conhecesse a técnica “R” iria estar um pouco limitado em relação ao número de palavras que poderias construir. Se conhecesse duas técnicas (neste exemplo, duas letras), teria um pouco mais de flexibilidade. Se tivesse as cinco letras acima continuaria mesmo assim limitado. Cada uma destas letras é uma parte do alfabeto. Se tivesse as 26 letras poderia comunicar de uma maneira mais completa. Não só poderia soletrar palavras como poderia escrever uma biblioteca completa. Uma vez que comece a trabalhar com as freqüências da Reconexão®, deixa de utilizar as partes. Não perderá o R ou o Q quando aceder ao alfabeto completo: simplesmente terá que trabalhar um pouco mais para encontrar estas duas letras. E não há muitas razões para fazê-lo, já que proporcionam recompensas muito maiores quando utilizadas como parte do alfabeto completo.

 

Que diferença há entre a Cura Reconectiva® e a Reconexão®?
A diferença encontra-se, sobretudo na intenção. A intenção da Cura Reconectiva® é, na sua essência, a cura: seja ela física, mental, emocional, espiritual ou de qualquer outro nível. E, claro, ao conseguir o grau de cura facilitado graças a Cura Reconectiva® irá experienciar, até certo ponto, uma Reconexão® como parte do processo. É esta Reconexão® que faz com que a Cura Reconectiva® seja tão dramaticamente mais completa que as “técnicas” de cura que tivemos ao nosso dispor até aos nossos dias.
A intenção da Reconexão® é a de nos levar a uma plenitude da nossa conexão inerente com o Universo. Isto se faz ao longo de duas sessões. E, claro, ao conseguir o grau de Reconexão® que este processo oferece, irá experienciar também a cura.
E ainda que os dois não sejam processos completamente separados, para conseguir os maiores benefícios é recomendável que as sessões de Cura Reconectiva® e as sessões de Reconexão® sejam feitas separadamente, deixando um intervalo temporal adequado entre ambas.

 

A Cura Reconectiva® funciona só com problemas físicos? Funcionaria também com problemas mentais?
A Cura Reconectiva® é o regresso ao equilíbrio. Cada desafio de saúde é uma combinação de fatores físicos, mentais, espirituais e emocionais (e provavelmente outros para os quais ainda nem temos nome). Simplesmente classificamos o problema segundo a característica predominante. A Cura Reconectiva® não “trata” nada específico. Mas na sua presença poderá permitir-se recuperar o equilíbrio, como já fizeram muitas outras pessoas. Então, simplesmente recupera o seu equilíbrio.
 

 

O Dr. Eric, ou outro praticante, tiveram sucesso no tratamento?
Temos visto tantos pacientes ao longo dos últimos anos que, neste momento, é quase impossível recordar todos os casos específicos. O conceito importante a recordar é que três pessoas com o mesmo diagnóstico e os mesmos sintomas podem receber três resultados completamente diferentes. Algumas das maiores e mais espetaculares curas que vemos são casos em que não sabemos nada em absoluto do que se queixa o paciente. Como diz o Dr. Eric “frequentemente, quanto menos saiba o praticante sobre o que acontece com o paciente, melhor para este.” E enquanto muitas pessoas vêem resultados que se manifestam fisicamente de maneira imediata e permanente, em raras ocasiões há pessoas que não demonstram qualquer redação reconhecível de início. Muitas pessoas notam as diferenças uns dias ou semanas mais tarde. E pode haver ainda alguns que não notem qualquer diferença. A maioria das curas tem a tendência de serem permanentes. Algumas mostram-se plenamente de imediato, outras vão acontecendo ao longo de algum tempo.
Praticamente sempre a cura que receber irá permanecer e pertencer-lhe.

 

Há alguma forma de me preparar para a sessão? O que posso fazer para que seja mais eficaz?
A experiência de cada pessoa é única. Com freqüência a cura é instantânea, ocorrendo numa única sessão. Por vezes a cura demora um pouco mais a surgir. Se tiver sorte, a sua cura irá ocorrer da forma por si desejada, se tiver muita sorte, a sua cura chegará de uma maneira que jamais havia pensado, de uma maneira que o Universo reservou especialmente para si.
A cura pode chegar de muitas maneiras. A melhor maneira de permiti-la é manter-se num estado de expectativa, sem qualquer apego ao resultado final. Deite-se na mesa de massagens, relaxe, feche os olhos e simplesmente sinta. Observe. Converta-se no observador e no observado.
Permaneça relaxado e simplesmente sinta. Retire o processo de pensamento participativo e observe o que sente. Quando não sentir nada, mantenha-se deitado e solte-se, como se estivesse a desfrutar de um descanso inesperado.
Não é sugerido que tente criar uma mente em branco ou pensar em nada. Como regra, as pessoas têm dificuldade no conceito de pensar em nada. A mente está sempre a funcionar. Sugiro que apenas tome nota de qualquer coisa que atraia a sua atenção. Isto o mantém ocupado e tem a tendência a aliviar o stress que surge quando tenta pensar em nada e não sabe como fazê-lo. Coloque a atenção dentro do seu corpo e permita que viaje através de si mesmo. Observe qualquer coisa que perceba como fora do normal. Assim manterá a mente ocupada sem que se perca em todos os “deverias” e nos “não deverias”.
Não respire de maneira especial, nem visualize cenas relaxantes nem resultados desejados. Não medite nem repita mantras, seja silenciosamente ou não, e não faça nada que não tenha sido aqui mencionado ou que outra pessoa pense que poderia ajudar. Não ajudará. Simplesmente irá interromper o que já é capaz de fazer por si mesmo e interferirá com a sua capacidade de desfrutar da plenitude e realidade da experiência. E, para isso, seria melhor que ficasse em casa. Quando estiver preparado para se soltar e não tentar dirigir ou melhorar a experiência, quando o seu ego esteja o suficientemente calmo para que não tente “embelezar o belo”, estará pronto para experienciar o que a Cura Reconectiva® faz de diferente e real.

 

De quantas sessões irei necessitar? Quanto tempo demora para obter-se uma cura?
Uma sessão – ou talvez até parte de uma sessão – pode ser o suficiente. Regra geral recomenda-se que considere a possibilidade de fazer até três sessões. E, ainda que cada sessão seja especial, muitas pessoas afirmam que acontece algo de especial na terceira sessão.
A cura ocorre num instante. O que leva “tempo” é que a pessoa decida aceitá-la. Se receber tudo o que procura na primeira, segunda ou terceira sessão é hora de se soltar e permitir que o processo se desenrole por si mesmo. Se não receber nada ao terminar a terceira sessão, pode ser que a Cura Reconectiva® não seja a maneira mais apropriada para que receba o que está à procura neste momento da sua vida. Soltar-se e permitir que o processo siga o seu percurso pode também aqui ser o mais adequado. As únicas situações em que se consideraria fazer mais sessões são: se surgir uma nova situação, ou se sente melhorias claras, uniformes e reconhecíveis durante as três primeiras visitas e parece-lhe que falta um pouco mais. Então, aí sim, poderia considerar a possibilidade de fazer mais algumas sessões. A partir daqui há que deixar partir, dando tempo para que a cura ocorra.
A Cura Reconectiva® não necessita de visitas a intervalos regulares ou repetições. Uma vez que receba as sessões iniciais passa a possuir a sua própria mudança, a sua cura, a sua evolução. É seu. Ninguém lhe pode tirar isso. Nunca.

 

Mais informações:

http://www.thereconnection.com/

 

Livro: A Reconexão: Cure os Outros, Cure a Si Mesmo

 

Entrevista com Dr. Eric Pearl:

 http://www.youtube.com/watch?v=1Q1yzGj9adg

 

Video Youtube:

http://www.youtube.com/watch?v=6cjL-ZGljl0

  

Eric Pearl, The Reconnection, LLC, e qualquer pessoa associada a este trabalho, incluindo, mas não se limitando a The Reconnection® e/ou Reconnective Healing® não fazem nenhuma reivindicação, promessas,  representações ou garantias e não oferecem nem o diagnóstico nem tratamento específico aos desafios de saúde. Você é o único responsável por cuidar-se e para continuar com o seu próprio tratamento e cuidados médicos.. 

The Reconnection® e/ou Reconnective Healing® são marcas registradas internacionalmente. Para maiores informações acesse o site : The Reconnection

 • P.O. Box 3600 • Hollywood, CA 90078-3600

• 1 888 ERIC PEARL  (1 888 374 2732 )
info@TheReconnection.com

• © 2010 The Reconnection, LLC